Ingredientes alergênicos devem estar nos rótulos

Dados da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) apontam que, no Brasil, 6% a 8% das crianças com idades entre 6 e 8 anos possuem algum tipo de alergia, entre elas a alergia alimentar. E isso é uma preocupação constante, de modo especial para as mamães e papais que não se cansam de pesquisar, perguntar e investigar os ingredientes contidos em cada alimento.

Diante disso, a Anvisa determinou que, a partir do último domingo (3), os rótulos dos alimentos saiam da fábrica com informações sobre ingredientes alergênicos. Ao todo, 17 itens devem ser listados, como trigo, leite, crustáceos e nozes.

A decisão, que teve origem em 2015, foi aprovada em junho do ano passado, mas somente agora entrou em vigor. O regulamento abrange tanto alimentos quanto bebidas, ingredientes e aditivos.
A Anvisa determinou, ainda, a forma de dispor as informações. Os detalhes sobre produtos que podem causar alergia alimentar devem ser exibidos logo abaixo da lista de ingredientes. Além disso, as palavras têm de estar em caixa alta (letra maiúscula), negrito e com cor diferente do rótulo. A letra não pode ser menor do que a da lista dos ingredientes.

Embora as empresas tenham contado com o prazo de um ano para se readequarem, os produtos fabricados até o último sábado, dia 2 de julho, poderão ser comercializados até o fim do prazo de validade.


Nenhum comentário :

Postar um comentário

Quem Comenta!

Faça contato!

Nome

E-mail *

Mensagem *

Divulgue o Catavento!!!

MEU CATAVENTO COLORIDO

Translate!

Números

MEU CATAVENTO COLORIDO - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2015
Desenvolvimento EMPORIUM DIGITAL