Atividades físicas são fundamentais para o bom desenvolvimento das crianças

Seus filhos, netos, sobrinhos ou afilhados costumam praticar atividades físicas? Você sabe da importância? Para se ter uma ideia de como é fundamental para o bom desenvolvimento, a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda que crianças dos 2 aos 5 anos façam duas horas de atividade física, pelo menos; e aquelas com idades entre 6 e 17 anos devem se exercitar uma hora por dia (de domingo a domingo).

Para falar sobre este assunto importantíssimo não só para a saúde do corpo, mas também para a saúde da mente dos pequenos, o Meu Catavento Colorido entrevistou a professora Maria Clara Moraes, que é profissional de Educação Física (CREF 5557 G/BA), pós-graduada em Educação Física Adaptada e criadora do perfil no Instagram Crescer em Movimento. Confira este bate-papo:

Meu Catavento Colorido - Qual a importância da atividade física para as crianças?

Professora Maria Clara Moraes - Antes de tudo vou explicar que existe uma diferença de conceitos entre atividade física e exercício físico. A atividade física é qualquer movimento que a pessoa faz de forma intencional (voluntária), mas sem planejamento. Por exemplo: lavar louça, pentear os cabelos, caminhar no shopping, brincar... Já o exercício físico é todo movimento planejado e estruturado a fim de atingir determinados objetivos: melhoria da capacidade cardiorrespiratória, aumento da força, flexibilidade etc. Embora conceitos diferentes, os dois são muito importantes para a manutenção da saúde de qualquer pessoa, inclusive crianças.

Muitos estudos afirmam que crianças com um estilo de vida saudável têm mais possibilidades de se tornarem adultos fisicamente ativos, prevenindo ou atrasando o aparecimento de doenças crônico-degenerativas, como obesidade, hipertensão e diabetes. Além disso, estimular a prática de atividades físicas é oportunizar vivências que vão contribuir para o aumento de seu repertório motor (coordenação motora ampla e fina, tônus muscular, equilíbrio, lateralidade, esquema corporal).

Meu Catavento Colorido - De que forma a atividade física colabora para a saúde mental das crianças?

Professora Maria Clara Moraes - Nesta resposta vou substituir a expressão “atividade física” pelo “brincar”, que é uma forma de atividade física. A criança nasceu para brincar. Ela é ávida por brincadeiras, pois é assim que ela se desenvolve.

Para Sigmund Freud, a brincadeira possuía um papel importante no desenvolvimento emocional das crianças. Ele acreditava que através das brincadeiras as crianças seriam capazes de remover sentimentos negativos associados a acontecimentos traumáticos.

Brincar é um processo profundo no qual a criança aprende habilidades sociais, passa a entender sobre limites, a resolver problemas, desenvolver autonomia e autoestima. Além de melhorar a qualidade do sono e de sua qualidade de vida de forma geral.

Meu Catavento Colorido - Quais são os primeiros passos para que as crianças possam iniciar alguma atividade física?

Professora Maria Clara Moraes - Escutar a criança. É importante que ela demonstre interesse em praticar alguma atividade. Ela não está ali para atender as expectativas dos pais. Então, não adianta forçar uma menina a fazer ballet se ela não gosta de estar ali. É preciso ter prazer no que está fazendo. Se ela gostou do que fez, ela vai querer voltar.

Meu Catavento Colorido - Quais são os impactos da falta de atividade física na infância?

Professora Maria Clara Moraes - O comportamento sedentário é um fenômeno que ocorre mundialmente com a chegada das novas tecnologias (tablet e celulares) e também atinge as crianças. Além disso, não se pode mais brincar na rua como antigamente e o impacto disso é o aumento de casos de obesidade infantil e a carência em desenvolver habilidades cognitivas, motoras e sociais, tão importantes na infância. Limitar o mundo da criança em apenas conteúdos escolares e ao “tempo de tela” é fechar uma janela de oportunidades para seu desenvolvimento pleno como ser humano.

Meu Catavento Colorido - Que mensagem você gostaria de deixar para os pais?

Professora Maria Clara Moraes - É importante ter tempo de qualidade com os filhos. Se permita estar presente plenamente quando estiver junto e sem se distrair com os celulares. Aconselho menos brinquedos e mais brincadeiras. Entendo que muitos pais tentam substituir suas ausências, por diversos motivos, ofertando muitos brinquedos, mas essa atitude não ajuda a criança, só faz com que elas queiram sempre mais, gerando uma eterna insatisfação. Tentem esgotar todas as possibilidades desse material antes de passar para um próximo. Isso estimula as crianças a serem mais criativas.

Criem atividades junto com seus filhos, pintem, dancem, explorem diversos ambientes, alturas e texturas, jogos de imitação e faz de conta. Brincar é vínculo e afeto. Se conecte com a sua criança interior e com a(s) criança(s) que vocês tem em casa.



Nenhum comentário :

Postar um comentário

Quem Comenta!

Faça contato!

Nome

E-mail *

Mensagem *

Divulgue o Catavento!!!

MEU CATAVENTO COLORIDO

Translate!

Números

MEU CATAVENTO COLORIDO - Todos os Direitos Reservados - Copyright © 2015
Desenvolvimento EMPORIUM DIGITAL